Projetos de Especialidades

Projetos de Engenharia para licenciamento e execução

engenheiro civil ricardo rodrigues

Projectos elaborados pela equipa engiobra do Eng.º Ricardo Rodrigues

Solicite um orçamento gratuito para seu projeto de especialidade!

Após rececionar o seu pedido via formulário ou por e-mail, entraremos em contacto.

Ultima atualização:

O que são os projetos de especialidades?

A construção de uma edificação (moradia ou edifício) envolve diversas etapas e diferentes tipos de projetos.

Como por exemplo, o projeto de estruturas (estabilidade), o projeto hidráulico de abastecimento e drenagem, o projeto elétrico, as redes de gás, entre outros.

Os projetos de especialidades são importantes justamente para que todos estes aspetos sejam planeados em conformidade com o resultado que se espera.

Imagine, por exemplo, uma orquestra. Para tocar uma sinfonia é preciso que todos os músicos estejam alinhados em relação ao seu papel naquele conjunto.

É mais ou menos assim que os projetos devem funcionar. Cada um deles deve ser executado de forma adequada e sem interferir no desempenho de outro.

Em suma, os projetos de especialidades são a pormenorização de cada uma das etapas de construção de uma casa e como elas se complementam para concretizar a sua construção.

Os diferentes tipos de projetos de especialidades

Oficialmente, há 12 tipos de projetos de especialidades que podem ser executados. A norma que determina estas especialidades é a Portaria nº232/2008 de 11 de Março.

No engiobra, dispomos de colaboradores e parceiros especializados em Engenharia e Arquitetura para a elaboração dos vários tipos de projeto, adequando-os consoante as necessidades de cada cliente.

Aqui, pode solicitar orçamentos nas seguintes áreas:

Projeto da rede de água e esgotos

Projeto da rede de água e esgotos

Projeto elaborado por Engenheiro Civil.

Projeto de águas pluviais

Projeto de águas pluviais

Projeto elaborado por Engenheiro Civil.

Projeto da rede de gás

Projeto da rede de gás

Projeto elaborado por Engenheiro Civil.

Projeto/Ficha de segurança contra incêndios

Projeto/Ficha de segurança contra incêndios

Projeto elaborado por Engenheiro Civil ou Arquitecto

Projeto de comportamento térmico

Projeto de comportamento térmico

Projeto elaborado por perito qualificado ADENE

projeto de acústica

Projeto de acústica

Projeto elaborado por Engenheiro Civil ou Arquitecto

projetos de eletricidade

Projeto de eletricidade

Projeto elaborado por Engenheiro Eletrotécnico

Tipos de especialidades para licenciamento

Conheça os tipos de projetos de especialidade que pode contratar na Engiobra.

1 – Projeto de Estabilidade

Os projetos de estabilidade irão determinar os elementos estruturais que compõem o edifício. Através de cálculo e desenhos, o engenheiro civil com especialização em estruturas analisa as melhores soluções para o uso de fundações, vigas, pilares, betão armado, entre outros.

Neste tipo de projeto também são calculados muros de suporte de terras e elementos metálicos como coberturas ou escadas.

É crucial que o projeto de estabilidade seja feito de acordo com as normas e legislação vigente, garantindo assim a segurança, resistência e durabilidade do edifício, inclusive em situações de ocorrências naturais, como sismos.

Depois de desenvolvido, os documentos que fazem parte do projeto devem ser entregues na Câmara Municipal para licenciamento.

Para uma moradia de aproximadamente 200m², o preço médio de um projeto de estabilidade é de 1.000€.

Entretanto, este é um valor ilustrativo, uma vez que o preço final pode variar consoante a complexidade do projeto, que deve ser feito em sintonia com o projeto de arquitetura.

2 – Projeto de Águas

O abastecimento de água é imprescindível para a viabilidade de qualquer edifício. Neste sentido, o projeto de águas consiste num dos planeamentos mais importantes de uma construção.

O responsável pelo desenvolvimento deste tipo de projeto é o engenheiro civil, com especialização em hidráulica.

A sua principal função ao elaborar um projeto de águas é encontrar as melhores soluções para o uso de tubagens e materiais como o aço inox, o ferro fundindo ou outro que garanta durabilidade à rede de águas.

Através de análises e estudos, que são reproduzidos em documentos de cálculo e desenhos, o engenheiro projeta o sistema de abastecimento que atenda às principais necessidades de um edifício, alimentando pontos de água essenciais como casas de banho e cozinha.

Todo o projeto é desenvolvido em conformidade com a rede existente no local da obra e calculado de acordo com as necessidades e legislação em vigor.

O custo médio de um projeto de águas para uma construção de 300m² é de, aproximadamente 350 euros. No entanto, este valor varia de acordo com a complexidade do projeto, que é elaborado em sintonia com o projeto de arquitetura.

3 – Projeto de Esgotos

Tal como o projeto de águas, o projeto de esgotos é igualmente crucial para um edifício. O responsável pelo seu desenvolvimento é o engenheiro civil com especialização em hidráulica, que através de análises e estudos projeta o melhor sistema de escoamento, consoante as características da construção.

Para isto, são desenhadas as redes de tubagens e acessórios para águas pluviais e esgotos, e também é feito o cálculo dos diâmetros necessários ao bom escoamento e drenagem de esgotos domésticos e pluviais, evitando entupimentos e inundações.

Ter um sistema de esgoto elaborado de acordo com as exigências legais vigentes é importante, não só para a sua funcionalidade como também para a saúde e segurança de quem irá viver no edifício.

O preço médio de um projeto de esgotos para uma moradia com 300m2 de área é de, aproximadamente 350 euros.

O custo pode variar de acordo com a complexidade do projeto, que deve ser feito em sintonia com o projeto de arquitetura previamente elaborado.

4 – Projeto de Gás

O projeto de gás pode ser elaborado por um engenheiro ou arquiteto e determina os sistemas de distribuição do gás para cozinhas ou para o aquecimento de água em edifícios residenciais ou comerciais.

O projetista baseia-se em cálculos, análises e desenhos para definir os critérios e o dimensionamento da rede de fornecimento de gás, considerando a tubagem a ser utilizada, os pontos de medição e consumo, bem como válvulas de segurança.

Todo o detalhamento é realizado em conformidade com as normas vigentes, assegurando a segurança e o bem-estar dos utilizadores, bem como a durabilidade de toda a rede de abastecimento de gás.

A elaboração de um projeto de instalação de gás devidamente certificado tem um preço médio de 350€.

5 – Projeto de ITED

Os projetos de ITED – Infraestruturas de Telecomunicações em Edifícios são elaborados por engenheiros especializados, e compostos por documentos e desenhos das estruturas a serem desenvolvidas no edifício, devendo antes serem entregues na Câmara Municipal para licenciamento.

O objetivo é definir as melhores soluções de telecomunicações para o edifício, com base nas necessidades do dono da obra e o fim a que se destina o edifício.

É um dos muitos projetos essenciais que compõem o planeamento da construção de um edifício e deve ser desenvolvido em conformidade com o projeto de arquitetura, e define o melhor tipo de rede a aplicar, as tubagens, os cabos, os materiais, os dispositivos e os equipamentos mais adequados à construção.

O projeto de telecomunicações em edifícios e respetivas ligações às redes públicas de telecomunicações é regulamentado pelo Decreto-Lei n.º 59/2000, de 19 de abril, estando tecnicamente apoiado no Manual ITED e nos procedimentos associados, editados pela ANACOM.

6 – Projeto de Térmica

Uma habitação deve proporcionar conforto térmico aos moradores, evitando a necessidade de recursos que promovem o aquecimento ou o arrefecimento dos ambientes por meios alternativos.

Desta forma, é possível reduzir consideravelmente o consumo de energia elétrica, utilizando-se materiais eficientes para o isolamento térmico nas paredes interiores e exteriores da construção.

Além das paredes, são considerados no projeto térmico as dimensões e o posicionamento estratégico de janelas, e a constituição de pavimentos e coberturas, para se atingir o máximo de eficiência energética.

O projeto é realizado em conformidade com as normas e legislação vigentes, sendo o seu custo médio de 350 euros. Contudo, o preço pode variar de acordo com a complexidade e as dimensões do projeto.

7 – Projeto de Acústica

Viver em centros urbanos pode tornar-se inconveniente se a habitação não possui um sistema acústico eficiente e que reduza o volume de ruído. Este também é um aspeto importante em prédios residenciais, para que as atividades de um vizinho não incomodem o outro.

Para isto, o projeto de acústica deve ser bem desenvolvido, sendo os estudos e as análises elaborados em conformidade com o projeto de térmica, de modo a determinar os elementos entre o interior e o exterior do edifício.

Através do isolamento adequado, é possível obter uma boa performance acústica que traz conforto e bem-estar aos moradores.

Assim como os outros projetos, o acústico também é composto por documentos e desenhos elaborados por um engenheiro civil ou arquiteto, e deve ser entregue à respectiva Câmara Municipal para licenciamento.

O preço médio deste tipo de projeto é de 250 euros, no entanto pode variar de acordo com as dimensões e complexidade do mesmo.

8 – Projeto de Eletricidade

Podemos dizer que o projeto de eletricidade é o “coração” de um edifício, uma vez que irá determinar toda a distribuição e os pontos de eletricidade necessários para suprir as necessidades dos moradores.

Existem dois tipos mais comuns de projetos de elétrica e que variam consoante a potência instalada.

De acordo com a legislação mais recente, para potências até 10.35kVA, não é necessário apresentar um projeto, basta apenas entregar apenas a ficha eletrotécnica do projeto.

Já para potências superiores a 10.35kVA, o projeto é obrigatório e deve ser apresentado na Câmara Municipal para licenciamento.

O projeto é desenvolvido por um engenheiro elétrico, que após o estudo e a análise determina os pontos de utilização de energia elétrica, o trajeto dos condutores e eletrodutos, a divisão dos circuitos, o dimensionamento dos condutores, a carga suportada por cada circuito, entre outros aspetos do sistema elétrico.

Esta também é uma etapa fundamental para se obter o melhor desempenho energético no edifício, evitando o consumo excessivo.

Um projeto de eletricidade custa em média 750 euros, no entanto o preço pode variar de acordo com a complexidade do mesmo.

9 – Projeto de Segurança contra Incêndios

O projeto de segurança contra incêndios (SCIE) define vários tipos de utilização e categorias de risco, de acordo com o grau de complexidade e perigo existente nas instalações.

Este projeto é obrigatório para licenciamentos de novas operações urbanísticas em edifícios classificados nas 2ª, 3ª e 4ª categorias de risco.

Há também a ficha de segurança contra incêndio em edifícios, que consiste num termo de responsabilidade assinado por um técnico qualificado e que determina as condições mínimas de segurança que devem ser respeitadas num projeto de arquitetura.

As fichas de segurança são obrigatórias para os tipos de edifícios classificados na 1ª categoria de risco.

Os projetos são desenvolvidos por técnicos com formação específica em Segurança Contra Incêndio em Edifícios, com registo na ANPC (Autoridade Nacional de Proteção Civil).

O preço médio para a elaboração da ficha de segurança contra incêndios é de 95 euros. Por sua vez, um projeto de segurança contra incêndios terá um custo que varia entre os 150 euros e os 850 euros, dependendo da sua complexidade.

As fases dos projetos de especialidades

Engenheiro a fazer um projeto de especialidade

Geralmente, os projetos de especialidades possuem duas etapas, sendo elas a de licenciamento e a de execução.

É importante ressaltar, no entanto, que em alguns casos mais complexos podem existir mais fases para análises prévias de estrutura ou outros aspetos determinantes à execução das obras.

Dito isto, conheça a partir de agora como funcionam cada uma das fases.

1 – Projeto de licenciamento

O projeto de licenciamento é processado somente após aprovação do projeto de Arquitetura pela Câmara Municipal.

Só aí se procede à elaboração dos diversos projetos de especialidade necessários à obra em questão.

Durante esta etapa, são preparadas todas as peças escritas e desenhadas pelos profissionais para a entrega dos Projetos Base de Especialidades.

É importante ressaltar que algumas Câmaras Municipais permitem a entrega em conjunto dos projetos de especialidades com o de arquitetura.

2 – Projeto de execução

Os projetos de especialidades passam pelo processo de validação da Câmara Municipal, que uma vez concluído permite que prossiga para a próxima fase, que é o chamado Projeto de Execução.

Este é opcional e consiste num estudo, que tem por base um conjunto de documentos que servem de preparação e consulta aos construtores, e permite a obtenção de propostas detalhadas.

É interessante providenciar o projeto de execução, pois o documento garante que as obras podem ser executadas dentro das normas e com a máxima qualidade.

Além disto, o projeto de execução também facilita o trabalho do Diretor de Fiscalização da obra.

Este projeto é composto por um mapa de medições, caderno de encargos, pormenores e estimativa orçamental.

O mapa de medições discrimina especificamente as quantidades para cada item. Já o caderno de encargos descreve a execução de cada uma das etapas que compõem a obra.

Os pormenores destacam os desenhos e todos os detalhes da construção e, por fim, a estimativa orçamental descreve a cotação média consoante os valores do mercado, permitindo ao dono da obra negociar com o construtor.

Os profissionais responsáveis pela elaboração dos projetos

Solicite um orçamento gratuito para seu projeto de especialidade!

Formulário de contacto

[email protected]

Tel: 936 119 671

Todos os projetos são elaborados pela equipa engiobra do Eng.º Civil Ricardo Rodrigues

Os projetos de especialidades são elaborados por engenheiros reconhecidos pela Ordem dos Engenheiros, ou pela Ordem dos Engenheiros Técnicos.

Mas atenção: não será um único engenheiro a elaborar todos os projetos relativos à construção. Os profissionais encarregam-se dos projetos que estão dentro da sua especialidade e para os quais possuem habilitação.

Exemplo: Para a elaboração do projeto de estruturas e do projeto elétrico, será preciso contratar um Engenheiro Civil e um Engenheiro Eletrotécnico.

Em alguns tipos de projetos de especialidades, tanto os engenheiros como os arquitetos estão aptos para os elaborar, como é o caso dos projetos de acústica, por exemplo.

Quanto custa um projeto de especialidades?

Os preços cobrados variam de acordo com as horas de trabalho, complexidade do projeto e tipo de especialidade.

Não há um preço padrão cobrado pelos projetos de especialidades, por isso cada área de especialidade tem o seu preço.

Para saber quanto custa um projeto, solicite-nos um orçamento.

Estes preços são meramente indicativos.

Tipo de projetoPreços médios
Projeto de estabilidade de uma moradia1.000€
Projeto de estabilidade de um edifício de 4 pisos2.000€
Projeto de redes prediais de água e esgotos600€
Projeto de águas pluviais300€
Projeto de comportamento térmico300€
Projeto acústico300€
Projeto de instalação de gás350€
Ficha de segurança contra incêndio em edifícios150€
Ficha eletrotécnica150€
Projeto de segurança contra incêndio em edifícios450€
Projeto de eletricidade750€
Projeto ITED450€

Pedidos de orçamento recentes

1 – Orçamento para projeto de estabilidade de uma moradia unifamiliar

Procuro profissional ou empresa para o desenvolvimento de um projeto de estabilidade de uma moradia unifamiliar. O edifício possui três pisos de 40m² cada. O projeto de arquitetura já foi entregue na Câmara Municipal onde aguarda licenciamento.

2 – Orçamento para projeto térmico em reabilitação de moradia T3

Procuro profissionais e informações sobre o preço de um projeto térmico para a reabilitação de uma moradia T3 com área de 180m². Construção antiga e com baixo desempenho energético, e o isolamento das paredes precisa de ser renovado.

3 – Orçamento para projeto de redes de gás em edifício de 6 pisos

Preciso de orçamento para um projeto de redes de fornecimento de gás num edifício de 6 pisos para legalização das obras e licenciamento na Câmara Municipal. Projeto de arquitetura já desenvolvido.

4 – Orçamento para projeto de elétrica em espaço comercial

Tenho um espaço comercial para o qual preciso de um projeto de elétrica trifásico. Procuro um profissional ou empresa que possa desenvolver o projeto de especialidade, e qual seria o valor dos honorários.

5 – Orçamento para projeto de especialidades

Orçamento para construção de moradia T4, com 220m² e projeto de arquitetura já desenvolvido. Procuro profissional para a elaboração dos projetos de especialidades, para dar andamento às obras e obter licenciamento na Câmara Municipal.

6 – Orçamento para projeto de esgotos em armazém

Procuro consultoria para a revisão de um projeto de esgotos de um armazém, para que seja determinado o seu estado e criada uma nova planta para substituir a atual que está defasada. Aguardo contacto com orçamento.

7 – Orçamento para projeto de ITED em edifício de 5 pisos

Preciso de um orçamento para um projeto de infraestruturas de telecomunicações e ligações às redes públicas num edifício de 5 pisos. Aguardo contacto.

8 – Orçamento para projeto de águas em reabilitação de moradia T0 48m²

Moradia T0 com 48m² em processo de reabilitação. Será preciso renovação integral do sistema hidráulico. Preciso do orçamento de um profissional ou empresa que desenvolva o projeto de especialidade.

9 – Orçamento para projeto de especialidades em moradia

Moradia com um total de 230m² e com projeto de arquitetura aprovado pela CM. Necessito das especialidades desta habitação. Aguardo orçamentos e, se necessário, posso enviar a planta da construção.

10 – Orçamento para Projeto de Segurança contra Incêndios moradia de 2 pisos

Procuro técnicos com formação em Segurança contra Incêndio em Edifícios, com registo na ANPC para elaboração de um projeto de segurança contra incêndios num edifício de 2 pisos e 385m² de área. Aguardo orçamento com valor dos honorários.

Perguntas Frequentes

1 – Quando tenho que entregar o projeto de especialidades à Câmara?

No caso de licenciamento, os projetos podem ser entregues juntamente com o projeto de arquitetura, ou no prazo de seis meses a contar da data da notificação de aprovação do mesmo.

2 – Os projetos de especialidades são obrigatórios?

Sim. Estes projetos são requisitos legais para o licenciamento da obra, devendo ser elaborados sempre que construir algo permanente e em algumas situações em que pretende reabilitar um imóvel.

3 – Quais são os documentos necessários para a elaboração do projeto?

Será preciso entregar: Planta de localização, Projeto de arquitetura, Plantas de cadastro com a pressão disponível à entrada do lote, Caderneta predial do imóvel, Certidão do registo predial

4 – Quanto custa um projeto de especialidades?

Conforme dito, o custo dos projetos de especialidade depende da sua complexidade e do tempo em horas consequentemente gasto pelos engenheiros projetistas.

5 – Quando devem ser iniciados os projetos de especialidade?

A melhor altura para iniciar os projetos de especialidades é após aprovação do pedido de licenciamento do projeto de arquitetura pela Câmara Municipal.

Veja também:

Autor: Ricardo Rodrigues

CEO e Fundador da NValores e engIobra (RRNValores Unipessoal, Lda,)

Sou Licenciado em Engenharia Civil, desde 2004, pelo I.S.E.L. - Instituto Superior de Engenharia de Lisboa. Membro sénior da OET - Ordem do Engenheiros Técnicos.

A equipa engiobra é formada por engenheiros e arquitetos com experiência comprovada em projetos de especialidades para licenciamento e execução.

Atualmente trabalho na engiobra como Projectista: Tenho mais de 10 anos de experiência em projectos de engenharia civil nomeadamente, projectos de estabilidade (estruturas), projectos de redes de abastecimento de águas prediais, projectos de redes prediais de drenagem de águas residuais e pluviais, projectos de acústica de edifícios, projectos de redes prediais de gás.

Entre 2004 e 2010 trabalhei em direcção e fiscalização de obras públicas e privadas.

Redes sociais:

O engiobra é um site gerido pela RRNValores Unipessoal Lda., uma empresa que presta serviços de engenharia.

  • CAE: 71120
  • NIPC: 514 823 577

Rua Pedro Nunes, Nº 69, R/C 2830-101 Barreiro

[email protected]

934 821 484