engIobra / Construção Civil / As Maiores Obras de Engenharia Civil no Mundo

As Maiores Obras de Engenharia Civil no Mundo

Ricardo Rodrigues

Publicado em:Construção Civil

Publicado em: Construção Civil

As Maiores Obras de Engenharia Civil no Mundo

Ricardo Rodrigues

Ao longo dos tempos têm sido executadas diversas proezas de Engenharia Civil, que só podem ser descritas como obras de génio.

Estas obras conseguiram provocar mudanças sociais e melhorar a vida das pessoas. Os responsáveis por estas conquistas são engenheiros talentosos, que passaram toda a sua vida a conceber essas criações.

As Pirâmides de Gizé no Egito

Veja também: Projetos de estruturas para licenciamento e execução

Resultantes da areia e na periferia do Cairo estão as Pirâmides de Gizé. Estas são marcos históricos que representam os últimos remanescentes das 7 Maravilhas do Mundo Antigo.

A necrópole histórica é composta pela pirâmide de Khufu, a Pirâmide de Quéfren, a Pirâmide de Miquerinos, junto com a Grande Esfinge.

Interior da pirâmide Gizé

Sem dúvida que estas pirâmides são atraentes e os arqueólogos modernos continuam intrigados com a sua construção.

Enquanto alguns acreditam que as pedras foram retiradas de uma pedreira e que depois (de alguma forma) conseguiram elevar as pedras e assim fazer os trabalhos, outros acreditam que as pedras foram construídas, in situ, com recurso a um tipo de betão baseado em calcário (embora o material ainda continue em investigação).

Independentemente do método de construção, esta é uma obra-prima de engenharia civil, devido à escala e à mística por detrás da sua “construção imaculada”.

Grande esfinge do Egipto

A Grande Muralha da China

A Grande Muralha da China tem cerca de 20.000 km de comprimento, é a estrutura mais longa do mundo executada pelo homem.

Este muro foi construído entre o Século V a.C. e Século VI a.C.. As características mais impressionantes desta obra é que a sua construção foi realizada em terreno muito irregular e sem o recurso à tecnologia moderna.

Muralha da China de noite

Muralha da China

A grande muralha da China

A Ferrovia Transcontinental

Quando se chega a meados do século XIX, as vantagens provenientes da tecnologia da era industrial, começam lentamente a chegar aos EUA. 

Estes avanços tecnológicos, combinados com o desejo de vincular o Ocidente com o Oriente, levou a esta magnífica obra de engenharia civil, que alterou o continente de forma permanente. Aqueles que construíram a ferrovia transcontinental lutaram contra um terreno difícil, uma guerra civil e contra o Velho Oeste.

Ferrovia transcontinental

Ferrovia

Ferrovia transcontinental

Traçado planimétrico

O Big Dig de Boston

Reconhecida como a maior, mais complexa, e exigente obra de vias de comunicação na história dos EUA. 

O Projecto Túnel / Artéria Central reduziu substancialmente o congestionamento do trânsito, o que permitiu maior mobilidade numa das principais, mais congestionadas e antigas cidades nos EUA. 

Além disso, melhorou o ambiente e estabeleceu as bases para uma futura prosperidade económica de Massachusetts e de toda a Nova Inglaterra.

Local das obras

Fase de construção

Obra finalizada

Esta obra de engenharia civil constituiu na transformação da Artéria Central elevada Interstate 93 (I93) por uma via de 6 pistas que atravessam a cidade de Boston. 

A obra consistiu na construção de uma estrada subterrânea e de duas novas pontes acima do rio Charles.

O Big Dig estendeu a I90 até ao Aeroporto Internacional de Logan em Boston, incluindo a via 1A. Além disso, separou o centro de Boston do mar e criou mais de 300 hectares de terra aberta.

Planimetria do Big Dig

Barragem Hoover

Os empreiteiros que criaram a barragem Hoover tiveram que redireccionar o caudal poderoso do rio Colorado, com recurso a túneis escavados no interior das paredes do Cânion.

Isso obrigou a uma adaptação das práticas de conceção conhecidas, para algo que nunca tinha sido executado antes. Estes túneis tinham 17,00 m de diâmetro e um comprimento total aproximado de 5 km.

barragemhooverdam
pontedabarragemhoover
construcao-ponte

Após o desvio do rio, foram reunidos os engenheiros necessários para construir uma estrutura que fosse suficientemente forte e alta para servir as gerações futuras e assegurar o rio Colorado.

Em 1935, a barragem Hoover foi concluída, tendo sido considerada a maior estrutura de betão no mundo.

pontedabarragemdehoover
hooverdamdenoite

Eurotúnel

O Eurotúnel é o túnel ferroviário submarino e subterrâneo mais longo do mundo. O comprimento do túnel tem cerca de 52 km.

Faz a ligação entre Coquelles na França e Folkestone na Inglaterra. Este túnel foi construído num estrato de Marga (como se pode verificar na figura).

eurotunel-estrato-marga

O estrato de marga foi considerado como um material apropriado para o encapsulamento, porque é simples de escavar e resistente.

O túnel é formado por três túneis distintos, ligados em conjunto, utilizando ligações de passagem cruzada.

As obras no túnel começaram em 1988, e foi inaugurado em 1994. Desde então, tem sido aclamado como uma das 7 maravilhas do mundo moderno, pela Sociedade Americana de Engenheiros Civis (American Society of Civil Engineers).

Secção do EurotúnelPlanta e secção

Por dentro

O Canal do Panamá

Antes da inauguração do Canal do Panamá, em 15 de agosto de 1914, um barco de São Francisco para Nova York precisaria de viajar em torno de Cabo Horn, o que demorava cerca de 67 dias para percorrer 19. 312 km.

O Canal do Panamá ofereceu uma rota mais curta entre os oceanos, Pacífico e Atlântico, reduzindo a viagem de São Francisco para Nova Iorque em 6.437 km.

Modelo 3D

Assim como os transportes foram afectados pela Ferrovia Transcontinental, o Canal do Panamá também foi uma gigante obra de engenharia civil que influenciou enormemente o transporte entre os dois oceanos, reduzindo significativamente o tempo de viagem.

canaldopanama
canal-do-panama

Hidrelétrica das Três Gargantas

Outra obra monumental é a Hidrelétrica ou Barragem das Três Gargantas, construída no Rio Yang-tsé, o maior da China, sendo a maior usina hidrelétrica do mundo em energia gerada, com 98,8 milhões de megawatts em 2014.

Para se perceber a grandiosidade desta barragem, se o seu lago artificial estivesse cheio, teria capacidade para cerca de 10 trilhões de galões (40 quilómetros cúbicos) de água.

Isto provocaria o prolongamento de um dia na Terra em 0,06 microssegundos, devido ao imenso deslocamento de massa causado.

Iniciado em 1992, o projeto da barragem só passou a ser totalmente funcional no ano de 2012, quando a última das principais turbinas de água da usina subterrânea iniciou a produção. Já as eclusas foram concluídas em dezembro de 2015.

Burj Khalifa

Localizado no Dubai, nos Emirados Árabes, o arranha-céu Burj Khalifa faz parte dos projetos de engenharia mais ambiciosos e é, atualmente, o maior prédio do mundo!

O Burj Khalifa é tão alto que pode ser visto a 95 quilómetros de distância. O edifício possui 828 metros de altura e 160 andares. A sua construção foi iniciada a 21 de setembro de 2004, sendo inaugurado no dia 4 de janeiro de 2010, a um custo estimado de 1,5 bilhão de dólares.

Para a sua construção foram necessários 330 mil metros cúbicos de betão e 55 mil toneladas de vergalhões de aço. Foi utilizado nas suas fundações um tipo de betão armado de alta densidade e de baixa permeabilidade.

Outra curiosidade interessante é que, em maio de 2008, a Putzmeister bombeou betão até o 156º andar, um recorde no mundo.

Misturas especiais de betão foram desenvolvidas para suportar as pressões extremas do peso do edifício e as elevadas temperaturas na região, que podem chegar a 50 °C.

Palm Islands

Também localizadas no Dubai, as Palm Islands foram projetadas para receber grandes estruturas residenciais e comerciais de altíssimo padrão, sendo este o maior projeto de ilhas artificiais em todo o mundo.

As Palm Islands são compostas por três ilhas em forma de palmeiras e foram construídas com o objetivo de incentivar o turismo e os investimentos na região.

As três ilhas são chamadas de Palm Jumeirah, Palm Jebel Ali e Palm Deira. As obras foram iniciadas em 2001, e já em 2006 haviam moradores na primeira ilha, que teve ocupação total em 2009.

Embora o Dubai fique localizado no deserto, a necessidade de areia foi um dos problemas para a construção das ilhas. Isto porque a areia do deserto é muito fina e inadequada para a obra.

Como solução, uma enorme quantidade de areia do mar (mais grossa) e rochas foram escavadas para assentar as ilhas.

Outro importante aspeto da engenharia destas ilhas foi a construção dos crescentes que circundam as palmeiras. Estas estruturas são quebra-mares em torno das ilhas, para evitar o impacto das ondas, capazes de comprometer a sua estrutura.

As obras de engenharia civil acima indicadas, podem ser classificadas como algumas das melhores obras da história. Isto porque a maioria conseguiu aquilo que se considerava impossível.

Estas obras de engenharia civil satisfizeram as exigências da vida através de uma abordagem audaciosa para resolver desafios complexos.

Veja também: Quanto custa construir uma moradia em Portugal?

engiobra - Projectos de Engenharia Civil

Projetos de Engenharia, Comparação de Materiais de Construção e Calculadoras Online

Autor: Ricardo Rodrigues

CEO e Fundador da NValores e engIobra (RRNValores Unipessoal, Lda,)

Sou Licenciado em Engenharia Civil, desde 2004, pelo I.S.E.L. - Instituto Superior de Engenharia de Lisboa. Membro sénior da OET - Ordem do Engenheiros Técnicos.

A equipa engiobra é formada por engenheiros e arquitetos com experiência comprovada em projetos de especialidades para licenciamento e execução.

Atualmente trabalho na engiobra como Projectista: Tenho mais de 10 anos de experiência em projectos de engenharia civil nomeadamente, projectos de estabilidade (estruturas), projectos de redes de abastecimento de águas prediais, projectos de redes prediais de drenagem de águas residuais e pluviais, projectos de acústica de edifícios, projectos de redes prediais de gás.

Entre 2004 e 2010 trabalhei em direcção e fiscalização de obras públicas e privadas.

Redes sociais: